Menu do Site

DESCASO: Mãe denuncia falta de atendimento nos hospitais de Sobral


Mae reclama de atendimento 2

Mae reclama de atendimento 1

Na noite desta quarta-feira, 10, por volta das 22 horas, a equipe de reportagem do Portal Sobral Na Mídia acompanhou uma ocorrência da falta de atenção e agilidade na saúde pública de nosso município.
A senhora Maria José Muniz Farrapo, moradora da Vila Malhadinha, Distrito de Bonfim, relatou que na manhã deste dia 10, levou o seu filho de apenas 4 meses para tomar a vacina no PSF do referido distrito, conforme habitual rotina na infância. Mas tão logo chegou em casa, a criança começou a apresentar uma febre alta e choro constante, indicando dor. Foi quando se verificou um inchaço nos testículos do bebê.
Retornando ao PSF, mãe e filho foram encaminhados para a busca de atendimento médico na Unidade Mista de Sobral (Sinhá Sabóia). Após um tempo de espera, a criança conseguiu atendimento e o médico o encaminhou para o Hospital Regional Norte, justificando a necessidade de atendimento especializado. Decorrido mais tempo de espera no HRN, ao conseguir a atenção necessária por um médico, a mãe recebeu deste a informação de que a criança precisaria ser submetida a uma cirurgia com urgência, sob a suspeita de se tratar de uma hérnia inguinal, mas o “Hospital Regional não tinha o médico especializado” e este atendimento só poderia ser realizado na Santa Casa, mas para conseguir o atendimento na Santa Casa, a mãe teria que retornar à Unidade Mista, para que esta, por sua vez, a encaminhasse para o Hospital Santa Casa.


Indignada com esta falta de agilidade e com a informação da falta de médico, a mãe pediu ajuda à nossa reportagem e ao repórter e Vereador Gegê Romão, pois, devido a orientação do diagnóstico ter sido apontada desde o primeiro momento para o procedimento cirúrgico, a criança estava desde o meio-dia em jejum, tendo nesse intervalo até desmaiado de dor e conforme a nossa reportagem acompanhou, a criança ficava mesmo aos gritos de dor, dor que trazia às lágrimas quem presenciava, porque só de ver a criança naquele estado, a sensibilidade de nossos repórteres se inflamou com o visto descaso.
Até o fechamento desta matéria, a criança ainda não tinha sido atendida.
Fonte: Portal Sobral na Midia
Divulgue

Poste um comentário:


Desenvolvido Por Agência Digital Pro Code