Arquivo do blog

Menu do Site

BP Raio chega e Juazeiro e Sobral


Conforme o secretário de Segurança Pública, a expansão da tropa ajudará a diminuir os altos índices de crimes.

O titular da Pasta da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Delci Teixeira, revelou, em entrevista exclusiva ao Diário do Nordeste, que a implantação do Batalhão de Policiamento de Rondas Intensivas e Ostensivas (BPRaio) no Interior do Estado já deve estar atuando em Juazeiro do Norte, em cerca de dois meses, com o reforço de 77 policiais motorizados divididos em 12 equipes. A seleção dos militares que atuarão na Região do Cariri, terá início no próximo dia 7 de abril e, no início do segundo semestre de 2015, Sobral também deverá contar com 12 patrulhas do BPRaio.
O treinamento dos novos PMs do BPRaio que atuarão na região, deve durar seis semanas e a previsão é que em dois meses os militares já estejam nas ruas.


De acordo com Teixeira, a escolha inicial por Juazeiro ocorreu porque o Cariri, que compõe a Área Integrada de Segurança (AIS) 11, foi a única que não respondeu às incursões das forças policiais, nos meses de janeiro e fevereiro. "Esta área conseguiu se recuperar e, felizmente, também já está correspondendo, mas acreditamos que a chegada do BPRaio irá ajudar ainda mais na otimização dos trabalhos que estão sendo feitos lá".

Prioritário

Delci Teixeira explicou que levar o BPRaio para o Interior é uma medida, que consta em um plano apresentado ao governador com medidas consideradas prioritárias pela SSPDS. "Há cerca 30 dias conversamos com o governador e ele autorizou os projetos que nós apresentamos e entendemos ser prioritários no combate às altas taxas de criminalidade. Estas medidas são a expansão do BPRaio, do Ronda do Quarteirão, a reativação do Pró-Cidadania e a criação do Batalhão de Divisas". Os custos da implantação do BPRaio em Juazeiro estão estimados em torno de R$ 2,1 milhões.

"Uma expansão desta não é uma coisa simples. Somente na aquisição de motos o valor chega a R$1, 7 milhão. Em torno de R$ 100.000 serão gastos em equipamentos. Em Sobral, como o número de equipes é menor, será gasto cerca de R$1,5 milhão", revelou Delci Teixeira.

O comandante do BPRaio, major PM Márcio Oliveira, foi o idealizador do programa de ampliação da tropa no Ceará. A primeira fase do projeto, que deverá acontecer nos próximos meses, inclui apenas Juazeiro do Norte e Sobral.

Mas as novas etapas devem levar o Batalhão aos municípios de Russas, Quixadá, Itapipoca, Crateús, Canindé, Iguatu e Tauá. "Estas cidades servirão como base, mas vale lembrar que todos os municípios vizinhos serão atendidos", ressaltou o oficial. Oliveira afirmou que os 425 policiais, divididos em 60 patrulhas, que irão compor o projeto criado por ele para atender todo o Estado, serão incorporados ao BPRaio de outras unidades da PM. Os militares que atuam em Fortaleza não deverão ser deslocados. "Uma das diretrizes do programa era não esvaziar o efetivo de Fortaleza. Nenhum policial do BPRaio que atua na Capital será deslocado. Os do Interior serão acrescentados ao Batalhão, durante seleções que acontecerão à medida em que a implementação vá ocorrendo".

O oficial ressalta a importância do treinamento específico e salienta que as fases da seleção dos novos policiais acontecerão com o mesmo rigor das que ocorrem em Fortaleza, com avaliações físicas, testes de pilotagem, entrevistas e análise da ficha operacional do PM. Segundo Oliveira, é o respeito a estes critérios que tem garantido ao BPRaio a confiança da sociedade.

"A grande dúvida sobre o crescimento do Raio era se conseguiríamos manter o nível de qualidade e as estatísticas de apreensões. Mostramos que com o crescimento paulatino e dentro das doutrinas da unidade conseguiríamos fazer isto. O Raio começou com somente duas equipes em Fortaleza, hoje tem 45. Assumimos com muita responsabilidade este novo desafio do Interior, com a certeza que faremos o nosso melhor", disse o major.

Delci Teixeira elogiou a operacionalidade do Batalhão e disse que o BPRaio é um policiamento qualificado. "É exigida desta tropa uma disciplina e uma atenção maior que os policiais que estão no policiamento normal, por que eles só são acionados em situações extremas. Sabemos que quando o Raio atua temos uma Polícia altamente qualificada e diferenciada nas ruas. Sei que conseguiremos fazer esta expansão com qualidade, excelência e manteremos o padrão de eficiência", disse o secretário.

Teixeira adiantou que o Cariri também deverá receber atenção do Batalhão de Divisas, quando este for criado. Juazeiro do Norte também receberá uma base da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer), nos próximos dias.

Márcia Feitosa

Repórter
Fonte:  DN
Share

Poste um comentário: