Arquivo do blog

Menu do Site

Sem polemizar com croatas, Felipão diz que juiz japonês acertou no pênalti



    Treinador brasileiro preferiu não comentar as duras declarações de Nico Kovac, técnico da Croácia, mas assegura que viu o lance em cima de Fred e que o juiz japonês acertou


    Luiz Felipe Scolari adotou a estratégia de ficar na defensiva em sua coletiva após a vitória do Brasil sobre a Croácia por 3 a 1, na partida de abertura da Copa do Mundo. E mesmo se negando a comentar as fortes declarações de Nico Kovac, treinador croata, disse ter convicção de que o árbitro japonês Yuichi Nishimura acertou ao marcar o pênalti em Fred que acabou se a transformando no segundo gol da vitória brasileira.
    “Vi o lance dez vezes e foi pênalti. Compreendo as reclamações de meu colega e se eu estivesse em seu lugar, talvez estivesse aqui também reclamando. Mas do mesmo jeito que ele reclama deste pênalti, eu também acho que alguns cartões foram aplicados de forma errada, algumas faltas foram invertidas. Enfim, tudo é questão de critério do juiz, mas no lance do pênalti, ele acertou.”
    Ao saber por um jornalista que Kovac havia classificado o lance como ridículo e que se isso continuar ao longo da Copa será um verdadeiro circo para favorecer a seleção brasileira, Felipão deu o troco de forma mais contundente. “Não vejo benefício ao nosso time, assim como não fomos beneficiados nos cinco títulos mundiais que conquistamos. Ou ganhamos aqueles títulos sem Pelé, Garrincha, Ronaldo, Rivaldo, Romário, Bebeto e muitos outros?”, questionou o treinador brasileiro.
    Ao invés de polemizar, o treinador brasileiro preferiu enaltecer a força passada pela torcida no Itaquerão à equipe, logo após o gol da Croácia. “Acredito que o jogo de hoje sepultou de vez aquela história de que a torcida de São Paulo não apoia a seleção. Em um momento no qual o time quase derrapou o emocionalmente, eles nos deram um apoio fundamental”, elogiou o treinador.
    Sem detalhar os pontos que não gostou da atuação brasileira, Felipão disse que irá tratar destes problemas já no treinamento marcado para esta sexta-feira, às 11h, na Granja Comary. E não está no roteiro da conversa tratar sobre os cartões amarelos aplicados a Luiz Gustavo e Neymar. Na Copa do Mundo, um jogador é suspenso com dois amarelos. “Minha primeira preocupação é classificar. Claro que esta vitória nos deu um pouco mais de alívio, mas se conseguirmos uma nova vitória e ficarmos numa boa condição no grupo, aí sim irei pensar em poupar alguém. Antes disso, é jogar no mesmo ritmo intenso”.
    *Com Bruno Winckler, Pedro Taveira e Thiago Rocha




    Share

    Poste um comentário: