Arquivo do blog

Menu do Site

Guarany de Sobral vira sobre o Icasa na semifinal da Taça Fares Lopes

Não adiantou ao Icasa entrar em campo com os titulares que disputam a Série B. Nesta terça-feira (22), o Guarany de Sobral riu por último e bateu o Verdão do Cariri por 2 a 1, de virada, no Junco, em Sobral, pelo jogo de ida das semifinais da Taça Fares Lopes. O esquadrão alviverde, que não poupou os titulares, ao contrário do que fez desde o início da competição, até começou melhor, mas não evitou a virada dos donos da casa.
No jogo de volta, na próxima terça-feira (29), no Romeirão, em Juazeiro do Norte, basta ao time de Sidney Moraes vencer por 1 a 0, graças ao gol feito fora de casa. O empate é da equipe rubro-negra. Quem passar, encara o vencedor de Barbalha x Maranguape na final e fica a um passo da Copa do Brasil, em 2014.

O morno começo de jogo logo foi deixado de lado e o visitante Icasa resolveu dar as cartas. Com Tadeu, Juninho Potiguar e Chapinha, a equipe do técnico Sidney Moraes impôs seu jogo contra o Guarasol e deu trabalho ao goleiro Eliardo. E surtiu efeito. Em jogada que começou com Gilmak e terminou nos pés de Chapinha, o Icasa abriu o placar no Junco. Aos 18 minutos, o camisa 10 da esquadra alviverde chutou forte sem chances para o goleiro do Guarasol: 1 a 0 Verdão.
No entanto, com o gol dos visitantes, foram os donos da casa que cresceram no jogo. André Cassaco e Danilo Pitbull, homens de frente da equipe rubro-negra, infernizaram a defesa adversária e buscaram o empate a todo custo. Até que a pressão surtiu efeito. Aos 38 minutos, após cobrança de falta de Júnior Cearense, a bola sobrou para Pitbull, que tirou da zaga e fez o primeiro do Guarasol: 1 a 1. E chances de ampliar não faltaram. André Cassaco e Júnior Cearense ainda tiveram pelo menos duas oportunidades no fim do jogo, mas pararam em João Ricardo.
Guarany, Sobral, Icasa, Fares, Lopes (Foto: Wellington Macêdo)
Guarasol não desperdiça chances e vira o jogo
As equipes voltaram sem mudanças para o segundo tempo. Até o empenho do Guarany foi o mesmo do final do primeiro tempo. Após cruzamento na área do Icasa, Márcio Tarrafas chegou atrasado e quase marcou o segundo dos donos da casa. O visitante estava acuado. Após novo cruzamento na área icasiana, João Ricardo teve que subir mais alto que o ataque rubro-negro e desviar com a ponta dos dedos.
Do banco, o técnico Sidney Moraes teve que agir. Geraldo entrou em campo para tentar dar novo ânimo ao meio campo alviverde. Com a mexida, o Verdão voltou a dar trabalho, mas por pouco tempo. Logo o Guarasol teve boa chance e não desperdiçou. Aos 35, Vitor Cearense levantou a cabeça e cruzou a bola na área. Márcio Tarrafas precisou apenas de um toque sutil para virar o jogo no Junco: 2 a 1 para o Guarany.
E podia ter sido pior para o Verdão do Cariri. O bombardeio rubro-negro quase aumentou a vantagem dos donos da casa. No entanto, ficou nisso. Ao Icasa, basta um 1 a 0, no jogo de volta. Já o Guarasol se garante na final da Fares Lopes com um empate.
Fotos: W Macedo
Share

Poste um comentário: