Arquivo do blog

Menu do Site

Prefeito de 15 cidades da Zona Norte discutem operacionalização do rojeto do Aterro Sanitário Regional


O prefeito de Sobral, Veveu Arruda, recebeu na última sexta-feira (9), em seu gabinete, o Secretário Estadual das Cidades, Camilo Santana, acompanhado de assessores responsáveis pelo Projeto do Aterro Sanitário Regional, e prefeitos e representantes dos 15 municípios que compões o Consórcio Regional.

O encontro serviu para apresentar o Projeto, a ser implantado na mesma área do aterro municipal de Sobral, às margens da estrada que dá acesso ao distrito de Jordão, aos novos prefeitos eleitos no pleito de 2012, que representam os municípios já participantes do consórcio, que é formado pelos municípios de Alcântaras, Cariré, Coreaú, Forquilha, Frecheirinha, Graça, Groaíras, Massapê, Meruoca, Pacujá, Senador Sá, Moraújo, Mucambo, Santana do Acaraú e Sobral.

A Política Nacional de Resíduos Sólidos prevê que, a partir de 2014, sejam fechados no Brasil os lixões e os resíduos destinados a aterros sanitários. Em Sobral, o aterro está sendo criado, a partir de programa do Governo do Estado, em parceria com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

A expectativa é que o aterro regional reduza os custos da coleta de lixo, estimule a adequação dos municípios da região à Política Nacional de Resíduos Sólidos e dissemine a cultura da coleta seletiva, gerando renda aos municípios consorciados.
De acordo com Camilo Santana, “o projeto está em fase de finalização, com investimento de R$ 22 milhões. Já foram feitos estudos de impacto ambiental, audiências públicas para discussões e esclarecimento de dúvidas, e em breve deverá ser expedida a licença prévia de execução”.

Ao final da reunião, o Prefeito Veveu sugeriu a formação de uma comitiva para visitar outros municípios brasileiros, onde projetos deste porte façam parte da realidade dos habitantes.


(com informações do Blog da PMS)
Share

Poste um comentário: